Os resultados Colorectal do cancro podiam ser melhorados com selecção genética regular para a síndrome de Lynch

Published on February 16, 2013 at 6:13 AM · No Comments

Os pesquisadores da Clínica de Cleveland encontraram que os resultados colorectal do cancro poderiam ser melhorados com selecção genética regular para a síndrome de Lynch, a hereditária o mais comum, causa do adulto-início do cancro colorectal, como publicado na versão em linha do Jornal da Oncologia Clínica.

A síndrome de Lynch é a causa genética a mais comum do cancro do cólon nos adultos. O estudo encontrou que um programa de selecção universal de todos os cancros colorectal removidos cirùrgica na Clínica de Cleveland conduziu à identificação aumentada de pacientes da síndrome de Lynch com sucesso consultando os indivíduos cujos os tumores seleccionam o positivo aos profissionais da genética. A Identificação da síndrome de Lynch conduzirá aos resultados significativamente melhorados para pacientes que sofre de cancro colorectal e seus membros da família.

A Maioria de cancros colorectal são esporádicos, e não são devido às causas genéticas herdadas. Mais de 140 milhão Americanos são diagnosticados com cancro colorectal todos os anos. Com o um de 35 exemplos colorectal do cancro resultando da síndrome de Lynch, uma condição hereditária que predispor a uma grande variedade de cancros em umas idades mais adiantadas, uma recomendação clínica foi estabelecida em 2009 para seleccionar todos os pacientes colorectal para a síndrome de Lynch. Com os quatro milhão Americanos que têm a síndrome de Lynch todos os anos, e a maioria do ir não reconhecida, uma maneira sistemática da selecção para esta circunstância apresentou um desafio. Além Disso, um outro desafio está assegurando-se de que todos os indivíduos cujo o positivo da tela dos tumores para a síndrome potencial de Lynch é referido profissionais da genética.

Identificando pacientes da síndrome de Lynch, as medidas podem ser tomadas para estragar a revelação de cancros adicionais no paciente, assim como aumentam a fiscalização no paciente. Uma Vez Que a síndrome de Lynch foi identificada em um paciente, seu/seus membros da família pode ser referido profissionais da genética para determinar se demasiado herdou a mesma circunstância. Enquanto os pacientes que levam o gene de Lynch se submetem a dois pontos dinâmicos e à outra despistagem do cancro para os diagnósticos os mais adiantados, as vidas salvar.

O estudo recomenda que um programa bem sucedido deve eliminar “silos” e pelo contrário incluir a representação colaboradora da cirurgia, gastroenterologia, ginecologia, patologia, genética, assim como bioética e oncologia colorectal. O programa deve igualmente designar quem é relatar resultados aos pacientes e facilitar a assistência/referência genéticas do teste. Com papéis claramente atribuídos para uma comunicação e a educação pacientes, os resultados que resultam da síndrome de Lynch serão melhorados significativamente.

Read in | English | Español | Français | Deutsch | Português | Italiano | 日本語 | 한국어 | 简体中文 | 繁體中文 | Nederlands | Русский | Svenska | Polski