A Guiné Equatorial lança a primeira fase de campanha para imunizar crianças contra a poliomielite

Published on April 30, 2014 at 11:42 AM · No Comments

O governo da Guiné Equatorial lançou a primeira fase de uma campanha para imunizar na semana passada as crianças da nação contra a poliomielite. O governo tem trabalhado pròxima com Organização Mundial de Saúde (WHO), UNICEF, United Nations (UN), Centro de Controlo de Enfermidades e Prevenção (CDC) Atlanta, Bill & Fundação e outro de Melinda Gates para executar esta campanha dinâmica.

O Leão Heileman, Coordenador Residente do UN, forçou a importância da campanha e notável que todas as agências de UN a estão apoiando. “O WHO e A UNICEF mobilizaram o suporte laboral a fim ter experimentado consultantes para acompanhar as equipas nacionais, e executam as actividades de planeamento para realizar campanhas da vacinação da qualidade,” disse.  

A “Poliomielite é uma doença altamente contagioso que afecte na maior parte crianças sob cinco anos velho mas igualmente adultos com uma baixa imunidade produzida pela vacina ou por uma exposição precedente à doença,” disse Diosdado Vicente Nsue Milang, Ministro da Saúde e Assistência Social. “Pode causar a paralisia total ou parcial; até aqui, a vacina é a única ferramenta preventiva eficaz e a ferramenta conseguiu sua erradicação em países Ocidentais.”

A Guiné Equatorial não gravou nenhuns exemplos do poliovírus selvagem desde 1999, Nsue Milang disse. Em um argumento forte para que os cidadãos vacinem Poliomielite das suas crianças, disse ele, a “não pode ser curada mas pode ser impedida por uma vacina que seja administrada facilmente. Sua erradicação exige que todas as crianças sob quinze anos velho estejam vacinadas para impedir todas as manifestações mais adicionais.”

O governo da Guiné Equatorial lançou campanhas de informação para educar cidadãos sobre a necessidade de tomar medidas preventivas contra a poliomielite antes do lançamento da primeira fase, seguindo uma recomendação da Organização Mundial de Saúde (WHO).

Durante as campanhas e a cerimónia informativas do lançamento da primeira fase, o Presidente Obiang Nguema Mbasogo forçou a importância da vacina e incentivou todos os pais vacinar suas crianças sob quinze anos velho. Os oficiais do Governo, os delegados, os presidentes dos conselhos da vila e as comunidades da vizinhança estavam na cerimónia visada compartilhando desta mensagem com todos os pais, a fim terminar a erradicação da doença na República da Guiné Equatorial.

Uma segunda fase ocorrerá do 23 ao 26 de maio e um terço do 10 ao 13 de junho, patrocinado pelo governo.

República de SOURCE da Guiné Equatorial

Read in | English | Español | Français | Deutsch | Português | Italiano | 日本語 | 한국어 | 简体中文 | 繁體中文 | Nederlands | Русский | Svenska | Polski