Aviso: Esta página é uma tradução automática da página original em inglês. Por favor note uma vez que as traduções são geradas por máquinas, não tradução tudo será perfeita. Este site e suas páginas da Web destinam-se a ler em inglês. Qualquer tradução deste site e suas páginas da Web pode ser imprecisas e imprecisos no todo ou em parte. Esta tradução é fornecida como uma conveniência.

Que é Pyrosequencing?

Pyrosequencing é um método de arranjar em seqüência do ADN que detecta a luz emissora durante a adição seqüencial de nucleotides durante a síntese de uma costa complementar do ADN.

Por ustas7777777Crédito de imagem: ustas7777777/Shutterstock

Pyrosequencing pode ser usado para detectar o ADN e o RNA de quase toda a fonte, e tem aplicações na selecção da resistência das bactérias, na revelação da droga, no epigenetics, e nos muitos outros campos.

Processo de Pyrosequencing

Pyrosequencing ocorre em seis etapas principais:

  1. O ADN que deve ser arranjado em seqüência é quebrado acima em fragmentos de ao redor 100 pares baixos de ADN da único-costa.
  2. Uma reacção em cadeia da polimerase (PCR) é executada criar milhões de cópias idênticas de cada fragmento do ADN, que são separação através dos milhares de poços, com o apenas um tipo de fragmento do ADN pelo poço.
  3. Os fragmentos do ADN são incubados com polimerase de ADN, ATP-SULFURILASE, e enzimas do apyrase, e adenosina 5' carcaças do phosphosulfate e do luciferin.
  4. Um dos quatro tipos de nucleotides que compo o ADN é adicionado aos poços, que começam a ser incorporados no molde do ADN da único-costa pela polimerase de ADN no 3' extremidade, liberando a ATP-SULFURILASE do pirofosfato a seguir converte o pirofosfato ao triphosphate de adenosina (ATP) na presença da adenosina 5' phosphosulfate. O ATP participa então na conversão luciferase-negociada do luciferin ao oxyluciferin. Este processo emite-se a luz proporcionalmente à quantidade de ATP que participa na conversão, que é pegarada por um detector.
  5. Os nucleotides e o ATP não utilizados degradam ao apyrase, permitindo que a reacção comece outra vez com um outro nucleotide. Este processo está repetido, adicionando cada nucleotide em sucessão até que a síntese esteja completa.
  6. Um detector pegara a intensidade da luz emissora pelo processo, que é usado então para pressupr o número e o tipo de nucleotides adicionados. Por exemplo, se três nucleotides do cytosine são adicionados sequencialmente ao mesmo fragmento do ADN, a luz emissora será três vezes mais intensa do que fragmentos do ADN com o somente um nucleotide do cytosine adicionado.

Se nenhuma luz é emitida em cima da adição de cytosine, a seguir a base elogiosa seguinte no molde do ADN da único-costa deve ser um de outros três nucleotides.

Deve-se notar que dos quatro nucleotides adicionados durante pyrosequencing, o triphosphate do deoxyadenosine (a) está substituído com o triphosphate α-thio do deoxyadenosine para evitar um sinal falso da reacção adiantada com luciferase.

O método é limitado a ao redor 300-500 pares baixos do nucleotide, comparados com os comprimentos chain maiores sobre de arranjar em seqüência de utilização realizável de Sanger de 1000 pares baixos. É, contudo, menos caro e disponível no comércio.

Aplicações de pyrosequencing

Pyrosequencing é usado para revelar o código genético de uma secção do ADN. Pode igualmente detectar únicos polimorfismo do nucleotide, inserção-supressões ou outras variações da seqüência, além do que poder determinar o methylation do ADN e a freqüência do alelo.

Por exemplo, as regiões do genoma associadas com uma desordem genética podem ser reduzidas para baixo mais para identificar genes específicos e variações dentro deles, ou uma resposta negativa herdada a determinadas drogas pode ser verificada antes que a droga esteja prescrita.

O método da resistência de droga em uma tensão nova das bactérias pode ser determinado por sua mudança genética comparada a um antepassado, ou o methylation epigenético do ADN em uma célula cancerosa pode ser detectado a fim determinar o melhor curso de tratamento.

Fontes:

Further Reading

Last Updated: Oct 31, 2018

Michael Greenwood

Written by

Michael Greenwood

Michael graduated from Manchester Metropolitan University with a B.Sc. in Chemistry in 2014, where he majored in organic, inorganic, physical and analytical chemistry. He is currently completing a Ph.D. on the design and production of gold nanoparticles able to act as multimodal anticancer agents, being both drug delivery platforms and radiation dose enhancers.

Citations

Please use one of the following formats to cite this article in your essay, paper or report:

  • APA

    Greenwood, Michael. (2018, October 31). Que é Pyrosequencing?. News-Medical. Retrieved on March 06, 2021 from https://www.news-medical.net/life-sciences/What-is-Pyrosequencing.aspx.

  • MLA

    Greenwood, Michael. "Que é Pyrosequencing?". News-Medical. 06 March 2021. <https://www.news-medical.net/life-sciences/What-is-Pyrosequencing.aspx>.

  • Chicago

    Greenwood, Michael. "Que é Pyrosequencing?". News-Medical. https://www.news-medical.net/life-sciences/What-is-Pyrosequencing.aspx. (accessed March 06, 2021).

  • Harvard

    Greenwood, Michael. 2018. Que é Pyrosequencing?. News-Medical, viewed 06 March 2021, https://www.news-medical.net/life-sciences/What-is-Pyrosequencing.aspx.

Comments

The opinions expressed here are the views of the writer and do not necessarily reflect the views and opinions of News Medical.