Mais do que a metade dos Quebecers sobre 65 não têm nenhum dente

Mais do que a metade dos Quebecers sobre 65 não têm nenhum dente. Este é um problema de proporções principais, dado que os estudos médicos indicam que a perda do dente tem um impacto negativo na dieta e na saúde.

De acordo com pesquisadores da faculdade de McGill da odontologia e do centro de saúde da universidade de McGill, as dentaduras do implante podem ser a solução. A pesquisa mostrou que os povos que vestem dentaduras simples do implante relatam que estão satisfeitas muito, que sua qualidade de vida está melhorada muito, e que não iriam para trás a vestir dentaduras convencionais.

Por que? As dentaduras do implante são mais confortáveis e os canadenses desdentados da ajuda mastigam melhor. Jocelyne Feine, um professor na faculdade de McGill da odontologia, e Jose Morais, do instituto de investigação do centro de saúde da universidade de McGill, publicou a exibição dos dados preliminares que os povos que vestem dentaduras simples do implante melhoram extremamente sua entrada nutritiva.

Os doutores Feine e Morais e sua equipa de investigação estão procurando agora os voluntários envelhecidos 65 e para participar sobre em um ensaio clínico, que seja apoiado pelos institutos canadenses da pesquisa da saúde. Os cientistas querem examinar mais se a capacidade aumentada para mastigar conduz à nutrição e à saúde geral melhoradas.

Os media que desejam entrevistar a equipe sobre sua pesquisa devem contactar Silvano-Jacques Desjardins, oficial de comunicações, em 514-398-6752. Os membros do público que estão interessados em se juntar o ensaio clínico ou exigem mais informação devem chamar o assistente de pesquisa Nicolas Drolet em 514-398-2021.