Actividade de cérebro encontrada para ser com carácter de previsão de medo dor-relacionado

A aproximação de Neuroscientific pode ajudar a reconciliar emoções auto-relatadas e seus sustentamentos neurais

Os pesquisadores aplicaram uma técnica de aprendizagem da máquina que poderia potencial traduzir testes padrões da actividade em regiões deprocessamento do cérebro em contagens nos questionários usados para avaliar o medo de um paciente da dor. Esta aproximação neuroscientific, relatada no eNeuro, pode ajudar a reconciliar emoções auto-relatadas e seus sustentamentos neurais.

o medo Dor-relacionado é avaliado tipicamente com os vários questionários, usados frequentemente permutavelmente, que perguntam a pacientes como sentem sobre sua dor clínica. Contudo, é obscuro a que extensão estes auto-relatórios medem o medo e ansiedade, que são sabidos para envolver regiões diferentes do cérebro, e talvez outras construções psicológicas.

Michael Meier e colegas do laboratório de PETRA Schweinhardts no hospital da universidade de Balgrist em Zurique, Suíça, endereçou esta ambigüidade pela imagem lactente os cérebros dos pacientes com lombalgia enquanto olharam actividades (de passeio) prejudiciais (se dobrando) e inofensivas da evocação dos videoclip para a parte traseira. A actividade de cérebro dos participantes era com carácter de previsão de suas contagens nos vários questionários. Importante, os questionários diferentes foram associados com os testes padrões distintos da actividade neural. Estes resultados sugerem que os questionários similares possam medir estados emocionais diferentes.