Os estudantes com inabilidades chamam admissões de faculdade que enganam o ` bofetada grande'

Para o savana Treviño-Casias, a notícia desta semana sobre as admissões de faculdade que enganam o escândalo era esfolar, considerando quanto burocracia o sénior da universidade estadual do Arizona foi completamente obter a acomodações da inabilidade quando tomou o SAT.

“Feltro gosta de uma bofetada tão grande,” disse Treviño-Casias, 23, que foi diagnosticado em da sexta série com dyscalculia, uma inabilidade que fizesse mais difícil aprender e fazer a matemática. “Eu era consideravelmente enojado. Apenas faz mais duro para os povos que têm realmente uma dificuldade de aprendizagem diagnosticada a ser acreditada.”

Os promotores de justiça federais cobraram 50 povos, incluindo actrizes Felicity Huffman e Lori Loughlin, em um esquema de âmbito nacional da corrupção e da fraude para admitir underperforming estudantes às faculdades de elite. Alguns dos pais cobraram, o FBI disse, pagou-as ter suas crianças diagnosticadas com dificuldades de aprendizagem falsas assim que poderiam obter acomodações especiais exames de entrada na faculdade do SAT e do ACTO. Tais acomodações podem incluir a doação estudantes do tempo adicional nos testes ou permitir que tomem seu exame em uma sala apenas com um fiscal de provas às distracções do limite. Os promotores de justiça alegam líderes dum grupo criminoso no escândalo arranjado para fiscais de provas dentro no scam para corrigir as respostas dos estudantes durante ou depois do exame, ou mandaram alguma outra pessoa tomar o teste para elas.

Agora, as famílias e os advogados são preocuparam-se sobre uma folga que poderia o fazer mais duro para estudantes com inabilidades legítimas obter as acomodações que precisam de suceder.

“Há já aros demais e os estudantes deficientes dos obstáculos devem navegar a fim justificar seu direito civil ao ensino superior,” disse Matthew Cortland, um advogado e activista da inabilidade baseados em Boston. “Meu medo é que estes defraudador da celebridade estimularão uma medida enérgica em acomodações. As escolas e as empresas do teste farão ainda mais oneroso para que os estudantes deficientes obtenham as acomodações que permitem que realizem seu direito civil de alcançar o ensino superior.”

A lei federal exige faculdades e empresas do teste da faculdade fornecer as acomodações para estudantes as inabilidades documentadas, incluindo dificuldades de aprendizagem. Mas na prática, pode ser difícil para estudantes - estudantes particularmente a renda baixa - obter aquelas acomodações. Os estudantes diagnosticados na escola primária podem ter que fornecer as avaliações actualizados que documentam sua necessidade para acomodações especiais - o teste que pode custar milhares de dólares.

Os estudantes com inabilidades legítimas constantemente têm que lutar a percepção que são jogo o sistema, disseram Lindsay Jones, CEO do centro nacional para dificuldades de aprendizagem.

“Muitos povos em nossa sociedade supor que as acomodações lhe dão uma vantagem. Supor, “eu, também, faria melhor, “que é um engano fundamental,” Jones disseram. “Mas estes indivíduos já estão enfrentando o cepticismo. O escândalo das admissões de faculdade é incredibly prejudicial a uma população que já esteja lutando para mostrar que são surpreendentes e podem conseguir coisas incríveis.”

O FBI não cobrou nenhuns profissionais médicos que puderam ter fornecido um diagnóstico fraudulento.

Diane Blair-Sherlock, um advogado dos bens imobiliários no subúrbio de Chicago de Villa Park, não teve nenhum problema obter acomodações do exame de entrada para sua filha, que é surda, embora tome três meses para a Direcção do Colégio, que administra o SAT, aprovar um intérprete da linguagem gestual.

Seu filho, diagnosticado com síndrome de Asperger, um formulário do autismo, era uma outra história. Blair-Sherlock disse que a Direcção do Colégio girou para baixo o pedido do seu filho para acomodações no SAT apesar de seu que fornece a documentação de sua inabilidade. Sucedeu finalmente após ter apelado a recusa, e seu filho foi concedido o tempo adicional, as rupturas e uma área isolada em que para tomar o teste. É agora um estudante na universidade de Illinois-Chicago - obtendo a e b, disse orgulhosa - e Blair-Sherlock ajuda outros pais que enfrentam dificuldades similares.

“Eu estou procurando um terreno de jogo justo,” Blair-Sherlock disse. “Você está jogando com vidas dos cabritos aqui.”

A Direcção do Colégio, que igualmente administra testes de colocação (AP) avançados, disse que os pedidos para acomodações têm aumentado nos últimos anos enquanto mais estudantes optam para tomar os exames, mas não respondeu às perguntas sobre específicos de KHN. Tais pedidos aumentaram de 80.000 em 2010-11 a 160.000 em 2015-16, e aproximadamente 85 por cento dos pedidos para a acomodação eram aprovados, de acordo com boletins noticiosos recentes.

Em 2017, sob pressão dos advogados da inabilidade e entre inquéritos do Departamento da Justiça dos E.U., a empresa disse que aerodinamizaria pedidos para acomodações; os estudantes que tinham sido concedidos as acomodações existentes em suas High Schools - tempo adicional em testes, por exemplo - teriam as mesmas acomodações aprovadas automaticamente para exames tais como o SAT.

Quando a documentação é pedida, a Direcção do Colégio exige que um diagnóstico esteja feito por “alguém com credenciais profissionais apropriadas” e que um diagnóstico seja actual. Por exemplo, para estudantes com um diagnóstico da desordem da hiperactividade do deficit de atenção, ou ADHD, avaliações devem ser não mais de cinco anos velho. A Direcção do Colégio disse que combate o engano organizado proibindo os telemóveis, analisando comportamentos do teste-comprador e aumentando medidas de segurança em centros do teste, entre outras acções, embora falhou em um número de casos o FBI investigou.

A organização do ACTO, que administra o teste pelo mesmo nome, igualmente exige estudantes ter uma inabilidade profissional diagnosticada e obter geralmente já acomodações em suas salas de aula da escola. Pode exigir a documentação adicional, segundo o tipo de inabilidade. Os estudantes que relatam o humor ou as perturbações da ansiedade, por exemplo, teriam que fornecer a informação nos testes psicológicos usados, assim como uma história da medicamentação e do tratamento. A documentação de uma desordem psiquiátrica deve ser actual dentro do ano passado. O ACTO diminuído comentar sobre se o número de estudantes concedeu acomodações foi acima de nos últimos anos, mencionando a investigação em curso.

Esta história de KHN publicou primeiramente em Califórnia Healthline, um serviço da fundação dos cuidados médicos de Califórnia.

Notícia da saúde de KaiserEste artigo foi reimprimido de khn.org com autorização da fundação de Henry J. Kaiser Família. A notícia da saúde de Kaiser, um serviço noticioso editorial independente, é um programa da fundação da família de Kaiser, uma organização de investigação nonpartisan da política dos cuidados médicos unaffiliated com Kaiser Permanente.