Aviso: Esta página é uma tradução automática da página original em inglês. Por favor note uma vez que as traduções são geradas por máquinas, não tradução tudo será perfeita. Este site e suas páginas da Web destinam-se a ler em inglês. Qualquer tradução deste site e suas páginas da Web pode ser imprecisas e imprecisos no todo ou em parte. Esta tradução é fornecida como uma conveniência.

Descobrir processos reguladores de célula T novos podia ajudar a tratar a doença auto-imune

Uma das pilhas importantes envolvidas na resposta imune é a pilha de ajudante folicular (Tfh) de T. Estes são importantes no processo normal de produção do anticorpo depois da imunização, por exemplo. Contudo, são aumentados igualmente anormalmente em número nos pacientes com doença auto-imune, tal como erythematosus de lúpus sistemático. Por este motivo, os cientistas têm olhado maneiras de visar estas pilhas como meio de tratar tais doenças. Contudo, a anti-Tfh terapia de pilha não selectiva tem sido encontrada até agora. Agora um estudo novo sugere uma maneira de obstruir este caminho e de tratar potencial tais circunstâncias.

O papel jogado pela imunidade no corpo é vital a nossa existência continuada como organismos saudáveis em um mundo abundante com os micróbios e os antígenos estrangeiros. Contudo, a resposta imune deve com cuidado ser modulada para impedir seu giro contra o organismo próprio do anfitrião, no fenômeno chamado auto-imunidade. A resposta imune normal compreende dois componentes, o relógio constante contra a infecção e tumores nos tecidos do corpo, com uma prontidão para combater activamente todos os intrusos assim que forem detectados. Ambas as pilhas e seus produtos químicos segregados são importantes para o funcionamento correcto deste sistema. As pilhas compreendem as pilhas de T que atacam directamente alvos celulares, e as pilhas de B que produzem uma inundação dos anticorpos para ajudar a resposta imune.

Anticorpo humano (imunoglobulina). crédito de imagem da ilustração 3D: Tatiana Shepeleva/Shutterstock
Anticorpo humano (imunoglobulina). crédito de imagem da ilustração 3D: Tatiana Shepeleva/Shutterstock

Pilhas de Tfh, IL-2 e IL-6

As pilhas de Tfh estão activadas quando ligam os antígenos que estão apresentados por pilhas imunes dendrítico especiais, folículo exteriores da pilha de B. Estes folículo, ou os grupos pedidos, são encontrados em nós de linfa e no baço. As pilhas ativadas migram nos folículo, e interagem com as pilhas de B para criar o que é denominado um centro germinal, onde as pilhas de B se submetem ràpida a um processo chamado transformação. Isto converte-os nas pilhas de plasma, que são essencialmente fábricas celulares que agitam para fora anticorpos específicos na grande velocidade.

A conversão de uma pilha periférica de Tfh em uma pilha germinal do centro-Tfh é seguida por um córrego ininterrupto dos sinais dos receptors de célula T manter este estado. Por outro lado, em conseqüência destes sinais, mais de uma molécula chamada IL-2 está produzido igualmente, quando a estimulação de célula T constante aumentar tipicamente o número dos receptors IL-2 também. Isto deve criar um feedback inibitório, impedindo uma activação mais adicional de pilhas de Tfh. Contudo, isto obviamente não acontece.

Agora um estudo novo mostra que a revelação da pilha de Tfh está afectada por um outro cytokine chamado IL-6 também. A pesquisa precedente pela mesma equipe encontrou que quando IL-2 de recombinação foi injectado em ratos, impediu respostas normais de Tfh. No estudo novo, injectaram IL-6 também, e encontraram que interrompeu a reacção negativa de IL-2 em pilhas de Tfh. Ou seja estas pilhas continuam a responder aos sinais de célula T mas não a IL-2, assim permanecendo activas.

Para provar este, os pesquisadores mostraram que quando os construtores IL-6 foram injectados, as pilhas de Tfh deixaram cair em número mesmo a baixos níveis de IL-2. Mostraram experimental, isso na primeira semana que segue um desafio imune, o bloqueio de IL-6-induced da inibição de IL-2-mediated é pilhas desnecessárias porque o IL-2 actual no sistema é usado acima por outras pilhas imunes chamadas pilhas reguladoras de T, ou de Treg. Contudo, uma vez que as pilhas de Tfh iniciam os centros germinais nos folículo da pilha de B, a liberação IL-2 pelo Tfh acumula-se, a um nível suficiente para produzir a inibição da pilha de Tfh.

Como IL-6 trabalha

Igualmente encontraram como esta protecção trabalha. Usando um modelo da gripe do rato, descobriram que IL-6 obstrui o gene de Il2rb da interacção com uma outra molécula que provocasse a transcrição, chamada STATS. Esta associação é responsável para a produção da subunidade CD122 de IL-2, ou a sua subunidade do beta-receptor. Assim IL-2 produzido pelas pilhas germinais do centro-Tfh já não actua nestas pilhas porque falta o receptor necessário. Isto é essencial manter a fase atrasada de imunidade na infecção viral crônica. IL-6 igualmente reduz a expressão da molécula CD25 em pilhas de Treg, que é aumentada normalmente pela estimulação de célula T do receptor.

Em curto, a associação IL-2/IL-6 é um mecanismo modulatory para determinar se as pilhas do germinal-centro-Tfh continuam a ser produzidas ou não, um pouco do que apenas a produção de giro de Tfh de IL-2 sobre e fora. Isto igualmente explica como algum mais cedo estuda resultados aparentemente contraditórios para fora trazidos a respeito de como IL-6 regulou pilhas de Tfh.

A importância deste estudo

Isto ajudará a formular terapias novas. Por exemplo, obstruir IL-6 selectivamente por anticorpos específicos ao igualmente administrar IL-2 de recombinação poderia ser um mecanismo sinérgico por meio de que a actividade das pilhas de Tfh é fechada na doença auto-imune. Isto impediria a produção de anticorpos auto-imunes. Os E.U. Food and Drug Administration (FDA) têm aprovado já anti-IL-6-antibodies e IL-2 de recombinação.

O pesquisador S. Louis Ponte diz, “IL-6 e IL-2 são moléculas chaves em respostas imunes e em doenças auto-imunes. Os resultados novos neste papel podem finalmente conduzir para melhorar maneiras de tratar doenças tais como o lúpus.” Embora este estudo está na fase pré-clínica, este poderia ajudar a guiar as terapias futuras para circunstâncias auto-imunes.

A pesquisa é publicada na imunologia da ciência do jornal.

Journal reference:

Inhibition of IL-2 responsiveness by IL-6 is required for the generation of GC-TFH cells. Amber Papillion, Michael D. Powell, Danielle A. Chisolm, Holly Bachus, Michael J. Fuller, Amy S. Weinmann, Alejandro Villarino, John J. O’Shea, Beatriz León, Kenneth J. Oestreich and André Ballesteros-Tato. Science Immunology 13 Sep 2019: Vol. 4, Issue 39, eaaw7636. DOI: 10.1126/sciimmunol.aaw7636. https://immunology.sciencemag.org/content/4/39/eaaw7636

Dr. Liji Thomas

Written by

Dr. Liji Thomas

Dr. Liji Thomas is an OB-GYN, who graduated from the Government Medical College, University of Calicut, Kerala, in 2001. Liji practiced as a full-time consultant in obstetrics/gynecology in a private hospital for a few years following her graduation. She has counseled hundreds of patients facing issues from pregnancy-related problems and infertility, and has been in charge of over 2,000 deliveries, striving always to achieve a normal delivery rather than operative.

Citations

Please use one of the following formats to cite this article in your essay, paper or report:

  • APA

    Thomas, Liji. (2019, September 16). Descobrir processos reguladores de célula T novos podia ajudar a tratar a doença auto-imune. News-Medical. Retrieved on March 05, 2021 from https://www.news-medical.net/news/20190916/Uncovering-new-T-cell-regulatory-processes-could-help-treat-autoimmune-disease.aspx.

  • MLA

    Thomas, Liji. "Descobrir processos reguladores de célula T novos podia ajudar a tratar a doença auto-imune". News-Medical. 05 March 2021. <https://www.news-medical.net/news/20190916/Uncovering-new-T-cell-regulatory-processes-could-help-treat-autoimmune-disease.aspx>.

  • Chicago

    Thomas, Liji. "Descobrir processos reguladores de célula T novos podia ajudar a tratar a doença auto-imune". News-Medical. https://www.news-medical.net/news/20190916/Uncovering-new-T-cell-regulatory-processes-could-help-treat-autoimmune-disease.aspx. (accessed March 05, 2021).

  • Harvard

    Thomas, Liji. 2019. Descobrir processos reguladores de célula T novos podia ajudar a tratar a doença auto-imune. News-Medical, viewed 05 March 2021, https://www.news-medical.net/news/20190916/Uncovering-new-T-cell-regulatory-processes-could-help-treat-autoimmune-disease.aspx.