Aviso: Esta página é uma tradução automática da página original em inglês. Por favor note uma vez que as traduções são geradas por máquinas, não tradução tudo será perfeita. Este site e suas páginas da Web destinam-se a ler em inglês. Qualquer tradução deste site e suas páginas da Web pode ser imprecisas e imprecisos no todo ou em parte. Esta tradução é fornecida como uma conveniência.

O novo livro endereça relacionamentos entre a dinâmica da despedimento-taxa e fases desenvolventes

O que é talvez o mais wonderous e criação fascinante da natureza, o cérebro, atraindo, em um nível ou em outro, sobre séculos, a curiosidade humana, transforma-se um território de acolhimento a ser explorado de uma nova perspectiva fresca de sinergias matemáticas e corticais na publicação a mais atrasada do prof. Yoram Baram.

Sobre cem anos de pesquisa do cérebro revelaram todos seus segredos? Um corpo de conhecimento incredibly grande e compreensão do cérebro e mente não parece ter eliminado o sentido de um elo em falta que conecta o todo.

O cérebro Subcritical: Uma sinergia de circuitos neurais segregados na memória, na cognição e no controle Sensorimotor era motivado por uma realização que é a sinergia de determinados conceitos matemáticos que guardara a chave a uma compreensão mais detalhada e mais completa da função e do comportamento corticais.

A primeira pergunta que pôde seguir tal reivindicação é “porque nós giram para matemática avançada, quando houver todos estes resultados experimentais na função e no comportamento corticais?” A resposta é essa pesquisa experimental, por natureza, exige um alto nível da especificidade.

Conseqüentemente, as edições convenientemente separadas, tais como a revelação cortical, conectividade do inter-neurônio, dinâmica neuronal do despedimento, aprendizagem, memória e problema médico, foram estudadas experimental no isolamento mútuo essencialmente completo.

Por outro lado, a análise matemática, caracterizada pela formalidade e pela precisão absolutas, pode, assunto à parametrização, para aplicar-se aos circuitos neurais de características e de funções diferentes, para revelar simultaneamente actividades corticais pequenas e em grande escala tendo por resultado uma grande variedade de resultados.

Uma conclusão particularmente notável deste livro é que os circuitos neurais pequenos são mais eficientes do que os grandes circuitos, fornecendo umas capacidades decisiva mais altas de armazenamento e de processamento de informação. Mostrado para ser uma conseqüência comum das teorias de gráficos aleatórios, números principais, sistemas dinâmicos e computação do quantum, o paradigma do pequeno-circuito é lingüìstica consistente com a limitação da curto-palavra que é a base (de línguas naturais e artificiais por exemplo, do computador).

Os circuitos pequenos são mostrados para definir as categorias do primordial-tamanho, que explicam testes psicológicos experimentais de “da memória funcionamento”. As árvores de tais circuitos são mostradas para facilitar o despedimento meta-periódico não-repetido do máximo-comprimento, terra arrendada a chave à memória de itens cénicos, falados, escritos e musicais em grande escala.

Além destas descobertas, o livro endereça sistematicamente os relacionamentos entre a dinâmica da despedimento-taxa e fases desenvolventes, de um lado, e tais atributos como a simetria, a assimetria, o synchrony e o asynchrony em funções corticais, nas outro.

Os efeitos clìnica testados dos conceitos matemáticos subjacentes no controle sensorimotor em seres humanos saudáveis assim como neurològica danificados são apresentados, junto com estratégias matemático-implicadas básicas do movimento em seres como pássaros.